Publicidade

Publicidade

Arquivo de maio, 2008

30/05/2008 - 16:15

[Vídeo] Google apresenta seu sistema para celulares, Android

Compartilhe: Twitter

Já assistiram à apresentação do aguardado Android, o novo sistema para celulares do Google? O projeto mobiliza uma comunidade cada vez maior de desenvolvedores. E já começaram a surgir aplicativos interessantes, como o Street View. Ele traz para o celular o recurso de visualização de ruas já oferecido on-line pelo Google. Confira no vídeo.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
30/05/2008 - 11:12

Como trabalhar com um geek?

Compartilhe: Twitter

geek head
Continuando na série tatuagens geeks no pescoço.

O mundo está cada vez mais cheio de geeks. Assim, é provável que direta ou indiretamente você tenha que trabalhar com eles. Nem sempre é fácil entender seus códigos e maneiras de lidar com o mundo. Mas, uma vez que você os decifra, não pode haver melhores parceiros.

Como entender um Geek

Geeks são apaixonados pelo conhecimento. Suas vidas giram em torno disso. Sem entender essa premissa, você vai viver em eterno conflito com eles.

Geeks querem testar coisas antes, descobrir idéias, saber detalhes, acumular saber. Para eles, é uma diversão. Por isso são diligentes, gostam de desafio e de viver em comunidades que compartilham os mesmos interesses.

Senso de justiça

Assim, eles tendem a medir as pessoas por seu nível de conhecimento. E a desenvolver um aguçado senso de justiça. Uma espécie de meritocracia: “fulano é mais competente, portanto posso confiar nele e ser fiel a ele”. Fidelidade aqui é a palavra-chave.

Isso não quer dizer que eles odeiam leigos. Se você admitir que é um, terá o respeito dos geeks. Mas se você fingir que domina um assunto e eles perceberem, poderá ser completamente sabotado e ridicularizado.

Ou seja: toda vez que lhes passar uma tarefa, poderá receber desculpas completamente técnicas para não realizá-las. Os geeks sabem que você não tem conhecimento para contestá-los.

Senso de controle

Geeks lidam diariamente com assuntos muito complicados e extenuantes. Leigos tendem a achar tudo fácil, porque não colocam a mão na massa. O geek gosta de trabalhar, mas odeia sentir-se sobrecarregado, desrespeitado e fora do controle.

Portanto, se você vem com uma maçaroca de pedidos de trabalho mal-informados e desorganizados, se muda de idéia a todo momento, se não lhe dá ferramentas adequadas para trabalhar, é como se estivesse lhe dizendo:

“Você é um idiota, não sabemos o que estamos fazendo, não respeitamos o seu trabalho e só vamos atrapalhar sua vida”.

Quer dizer: você será o inimigo. Ele pode ficar furioso e começar a procrastinar. Já que ama o conhecimento, vai ficar vagando de site em site em busca de alívio para sua pressão.

Sejamos práticos

Nos seus processos decisórios, consulte o geek desde o começo. Isso não significa ser preguiçoso e perguntar qualquer coisa que passar pela sua cabeça. Mas ouça o que ele tem a dizer. A experiência dele pode evitar problemas futuros.

Você pode fazer mais. Se ajudar os Geeks na sua sede por conhecimento e diversão, como por exemplo faz o Google (assista ao vídeo), vai poder contar com o melhor tipo de trabalhador que poderia imaginar: alguém que quer dar o melhor de si, que geralmente não está só atrás de dinheiro e cargos.

Geeks amam resolver problemas. Mas também adoram criá-los. Portanto, trate-os com respeito.

Nerd handbook

O chefe dos engenheiros e designers da Apple, Michael Lopp, tem um detalhado texto sobre o assunto, em seu blog Rands in Repose. Ele prefere chamar os geeks de nerds, mas, enfim, estamos falando da mesma coisa. Confira. Altamente recomendado.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
29/05/2008 - 15:35

Depois do microblogging, vem aí o nanoblogging

Compartilhe: Twitter

adocuPrimeiro havia os discursos de Fidel Castro, de 3 horas de duração. Depois vieram os livros, com 500 páginas. Os blogs, com 5 mil caracteres, o Twitter, com 140. E agora o Adocu, com posts com apenas uma única palavra. O nanoblogging tem todo potencial para se tornar uma nova febre na internet. Pelo menos por alguns meses. É mais uma espécie de rede social, como o Twitter, só que ainda mais resumido. Quer testar? Clique aqui. Já está mais instável que o próprio Twitter.

Mais sobre o Adocu
Eduf no Adocu

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
29/05/2008 - 09:19

WordPress 2.6: em agosto e compatível com o Google Gears

Compartilhe: Twitter

google wordpressO site Digital Inspiration fala sobre os planos dos desenvolvedores do WordPress para a nova versão do sistema de blogs. O WordPress 2.6 será lançado em agosto e se integrará ao Google Gears, ferramenta que possibilita que você use aplicativos online como o Google Reader e Docs mesmo sem estar conectado à internet.

Segundo o site de notícias sobre informática, isso não significa que vem por aí um novo jeito de editar blogs off-line. A integração com o Gears deve ser voltada para tornar o WordPress mais rápido. Quer dizer, o aplicativo do Google servirá como uma espécie de cache, armazenando no seu computador partes do sistema de blogs, para que você não tenha que baixar tudo da internet cada vez que for usá-lo.

Decepcionado? Calma. Ainda falta um tempo até agosto. E se você quer um jeito de editar blogs off-line, pode usar a extensão do Firefox ScribeFire ou o Windows Live Writer. Ou o novíssimo Blogo, para Macintosh.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
28/05/2008 - 20:50

[Vídeo] Testamos o novo Dreamweaver CS4

Compartilhe: Twitter

dreamweaver cs4

Não conte para ninguém. Testamos o beta do novo Dreamweaver, liberado nesta semana pela Adobe. O polêmico programa para criar websites veio mais poderoso, com novos recursos para personalizar o ambiente de trabalho (agora há um até para desenvolvedores de aplicativos), além de um navegador dentro do próprio software e, sabe-se lá porque, dois menus de ajuda. Clique na imagem acima e confira o vídeo no Vimeo.

Baixe o beta do Dreamweaver CS4 (pasmen, dura só dois dias).

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
27/05/2008 - 13:59

[Coffee Break] Como nascem os logos

Compartilhe: Twitter

Logólogos é um site que conta – em imagens – a história secreta da origem dos logos. Só podia ser coisa de argentinos, mesmo. :)

Via lista Radinho de Pilha.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
26/05/2008 - 18:33

Quer mais velocidade na internet? Desligue o Skype e o MSN

Compartilhe: Twitter

orgoo
O agregador Orgoo ajuda a ler e-mails, MSN e SMS num só lugar.

Os instant messengers (MSN, Skype, Yahoo IM, AIM, ICQ) são alguns dos principais responsáveis por tornar a internet mais lenta no dia-a-dia. No Brasil, temos o costume de deixá-los abertos mesmo quando não o usamos, o que consome muita banda.

Em especial, isso acontece com o Skype, que usa o mesmo tipo de transferência (p2p – ponto a ponto) que programas como o Kaaza. Pesquisadores da Universidade de Columbia, nos EUA, fizeram um estudo detalhado sobre isso, que você pode baixar ou ler em inglês, clicando aqui.

Muita gente também usa o Skype como se fosse um MSN. Isso pode deixar não só a sua conexão mais lenta, mas também afetar toda a rede onde seu computador está conectado (na sua empresa, por exemplo). O Skype é um excelente aplicativo, mas quando usado para o que ele faz melhor: chamadas de voz e vídeo.

Entre os instant messengers, meu preferido é o Pidgin (Windows e Linux) e o Adium (Mac). Além de consumir menos recursos do computador, ainda agregam num só lugar diversos tipos de sistemas, do Google Talk ao MSN.

Você também pode testar o novíssimo Orgoo, um site que inclui também os seus e-mails, mensagens via celular e vídeo chat.

O aplicativo ainda está em fase beta, fechada para convidados. Já fiz alguns testes e parece promissor. Mas ainda desconfio muito na hora de deixar meus dados nas mãos de empresas novatas no mercado (startups). Se quiser conferir por si mesmo, é só pedir um convite. Em alguns dias ele aparecerá na sua caixa postal.

Mas, enfim: se você quer economizar banda e deixar sua internet mais rápida, o melhor mesmo é desligar o MSN e o Skype. Use-os só quando realmente precisar.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
24/05/2008 - 17:18

Novo blog na família EdufLabs

Compartilhe: Twitter

produtividade pessoal

Hoje estréia um novo projeto feito no Eduf Labs. Chama-se Produtividde Pessoal. Surge da necessidade de focar mais o conteúdo do Magaiver. Os posts aqui estavam ficando cada vez mais off-topic.

Agora, se você quer ler textos mais longos e reflexivos sobre trabalho, mente e produtividade pessoal, vá direto para o Produtividade Pessoal.

Se quer ler dicas de tecnologia e saber mais sobre softwares, fique no Magaiver. Ou seja: este blog volta a ser mais como era no começo.

Ainda há mais vindo por aí. Aguarde.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
21/05/2008 - 11:46

Seesmic: Twitter + vídeo + Paulo Coelho?

Compartilhe: Twitter

Screencast sobre a nova ferramenta que integra vídeo com o Twitter, Seesmic. O vídeo acima está na compressão do YouTube. Para assistir uma versão melhor, clique aqui e assista no Vimeo. (O Blig não entende os códigos do Vimeo – desculpem-me pelo transtorno).

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
19/05/2008 - 10:39

Firefox 3 RC1: nova versão está ainda mais rápida

Compartilhe: Twitter

firefox tattoo
Imagem reproduzida do blog de Matt Cutts.

Finalmente, a Mozilla disponibilizou para download o primeiro release candidate (versão praticamente final) do Firefox 3. Está mais rápido ainda do que a versão anterior, a Beta 5.

Venho testando o aplicativo desde ontem num MacBook Pro. O gerenciamento de memória e carregamento das páginas passou por melhorias perceptíveis até para os usuários com menos experiência de internet.

Mas, antes de instalá-lo, preste atenção aos seguintes detalhes:

1. Algumas extensões (complementos) que acabaram de ser atualizadas para trabalhar com o Firefox 3 Beta 5, como a Webdeveloper, Better Gmail, Greasemonkey, entre outras, já não funcionam mais. Mas em alguns dias isso deve ser corrigido. Del.icio.us roda corretamente.

2. O sistema de bloqueio a sites suspeitos melhorou. Porém, ainda está um tanto “desinformado”. Na primeira vez que tentei acessar o Gmail e o Adsense, fui bloqueado pelo aplicativo, que não conseguiu reconhecer o sistema das páginas.

Isso aconteceu apenas com as versões brasileiras dos serviços do Google. Nas norte-americanas tudo rodou perfeitamente. Além disso, também é possível configurar exceções aos bloqueios no próprio Firefox, acompanhando as instruções que aparecerão na tela.

Em resumo: o Firefox 3 RC1 está matador. Mas se você não quer perder tempo com pequenos ajustes, espere sair a versão final, prevista para o meio do ano.

No Mozilla links você encontra um review completo de todas as funcionalidades e novidades do navegador (em inglês).
Baixe o Firefox 3 RC1.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
16/05/2008 - 11:35

Você é um hiperconectado ou um conectante?

Compartilhe: Twitter

hiperconectadoUm estudo de maio de 2008, realizado pela agência de pesquisa norte-americana IDC (Interactive Data Corp), mostra que estamos cada vez mais “hiperconectados”. A informação é da CNN Money:

A IDC pesquisou cerca de 2400 pessoas em 17 países. 165 dos trabalhadores usavam um mínimo de 7 aparelhos para trabalho e acesso pessoal a informações, além de cerca de 9 aplicativos como instant messengers e redes sociais. Os hiperconectados são seguidos de perto por um grupo de número ainda mais significativo: os “cada vez mais conectados” (36%), que usam pelo menos 4 aparelhos e 6 aplicativos. Os estudos indicam que a população de hiperconectados vá crescer cerca de 40% em 5 anos.

A geekização do mundo é inevitável. Quem está liderando o processo é a Ásia. A América Latina já tem a maior porcentagem de trabalhadores hiperconectados ou cada vez mais conectados (64%).

Bem… Sou um profissional de tecnologia, mas entro na categoria dos “conectantes”. Não uso mais de 5 aplicativos e 3 aparelhos diariamente. Mas a maioria deles é multifuncional, como smartphones (que tiram fotos, checam e-mails e fazem caipirinha. Sem falar dos navegadores, que podem concentrar centenas de aplicativos on-line).

Não li toda a pesquisa, mas parece que ela já reflete uma visão um tanto ultrapassada do que significa estar conectado. Não é necessariamente usar muitos aparelhos. Pelo contrário: o ideal é que você obtenha mais recursos de cada vez menos bugigangas e fios.

De qualquer forma, os dados indicam que os grandes negócios do futuro estão na área de educação técnica e suporte. Quem vai traduzir esses estranhos objetos tecnológicos para a população de novos usuários leigos? Esse mercado deve se manter firme pelo menos até que a nova geração de baby-geeks (criada em meio a tecnologia) assuma os postos de trabalho.

E você? É um hyperconectado ou conectante?

Mais sobre o conceito de hiperconectividade.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
15/05/2008 - 20:48

Revista faz especial sobre procrastinação. Lerei depois

Compartilhe: Twitter

Os Procrastinadores Anônimos têm um anúncio sobre seu encontro semanal via telefone. A propaganda vem com um aviso: ‘Este encontro foi originalmente agendado para toda quarta-feira, às 9h. Mas as pessoas não apareceram até agora.’ Liguei assim mesmo e ouvi o som de um saxofone estilo Kenny G e minha própria respiração por 15 minutos. Depois desisti.
Emily Yoffe, da Slate Magazine.

A revista Slate fez um especial bastante divertido sobre procrastinação. Aquela mania de deixar tudo pra depois, ou evitar uma tarefa até que ela se transforme numa urgência inadiável. Segundo o site, o problema atinge cerca de 20% da população dos EUA, número maior do que a depressão e as fobias.

Já venho tratando do assunto no Magaiver faz algum tempo. Confira:

10 dicas para se livrar da procrastinação
Rádio Magaiver: resistência, o combustível da procrastinação
10 idéias para combater o excesso de distrações

Alguns dos melhores textos da Slate:

Os japoneses procrastinam melhor do que nós?
Como surgiu a palavra procrastinação
Como os economistas enxergam a procrastinação
Procrasti-Nation: uma nação de procrastinadores
Grandes livros sobre perder tempo

Link para o especial completo:
Just Don`t Do it

(Todos os artigos estão em inglês).


Link da Slate indicado por Renato Parada.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
14/05/2008 - 15:28

[Coffee break] Darth Vader manda ver no blues

Compartilhe: Twitter


Até porque dizem que todo bom tocador de blues faz pacto com o lado negro da força.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
14/05/2008 - 15:06

[100% geek] XML e portabilidade de dados

Compartilhe: Twitter


Vídeo em inglês dá uma idéia do que é Portabilidade de dados e porque isso é importante para você.

Update direto do Twitter: O Felipe, @efeefe, lembrou de dois debates interessantes sobre tecnologias que possibilitam a existência de comunicadores como o descrito no post anterior:

XML, ou melhor, Xemelê – entendendo a plataforma agregadora.
Lista de discussão sobre o XML.

Também vale passar no site Data Portability, um dos mais importantes a tratar do assunto (em inglês). Aproveite e confira este vídeo, que explica o conceito de data portability para não-iniciados.

Não pretendia me aprofundar muito no assunto aqui, já que ele é bastante técnico e a audiência do Magaiver é mais de usuários finais do que de desenvolvedores de web.

Mas, se vocês quiserem saber mais sobre Portabilidade de Dados, é só pedir nos comentários. Interesso-me bastante pelo tema.

Clique para me seguir no Twitter.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
14/05/2008 - 11:55

[Em busca do comunicador perfeito] A central de comunicações

Compartilhe: Twitter

comunicador por assuntosWireframe de como seria a divisão por temas do comunicador. Isso não é o design. Ainda. Idéias para o visual virão logo mais.

Como você se comunica usando meios eletrônicos? Manda SMS, e-mails, instant messengers (às vezes mais de um), comunidades sociais, comentários em blogs etc? Checar cada um desses sistemas isoladamente pode ser um porre.

Assim, não precisamos mais de clientes de e-mail. E sim de uma central de comunicação integrada. Ela seria capaz de receber, organizar e relacionar toda e qualquer comunicação relacionada a mim.

Imagine que resolva checar minhas mensagens. Abro o comunicador e vejo que há 3 SMS, dois links recomendados no Del.icio.us, um no Google Reader, 4 comentários no meu blog, uma mensagem no MSN, outra no Twitter e dois scraps no Orkut.

Muita coisa? Não exatamente. Como meu comunicador tem a capacidade de taguear o conteúdo (voltarei ao assunto em breve), ele mostra que 5 das comunicações tratam de um mesmo assunto: produtividade pessoal.

Sem precisar sair do comunicador, respondo a todo mundo. Posso usar inclusive o mesmo texto. Ele apenas será entregue por meios diferentes (SMS em resposta ao SMS e assim por diante). Assim, ganho tempo na digitação – inclusive porque o programa vem com um Texter embutido.

Ainda no comunicador, abro um publicador estilo Windows Live Writer e escrevo um post sobre o assunto. Ele emite um ping (aviso de atualização) não só para as ferramentas de blog, mas para todos que assinarem minha cental de comunicações.

[Este post faz parte da série Em busca do comunicador perfeito, no qual pretendo dar idéias de como seria um software de comunicação preparado para lidar com a fragmentação de atenção e falta de tempo do mundo atual. Continue acompanhando.]

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
13/05/2008 - 15:12

Faça sua própria legenda

Compartilhe: Twitter

tatto geek

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
13/05/2008 - 14:37

[RTFM] Como tirar o máximo da busca do Gmail

Compartilhe: Twitter

gmail

Muita gente me escreve reclamando de que não sabe usar direito o sistema de buscas do Gmail. Você sabia que há um tutorial completo, em português, que ensina passo-a-passo como achar qualquer coisa armazenada na sua caixa postal? E que há muitos outros textos tão úteis quanto esse na ajuda do Google? Confira:

– Como tirar o máximo da busca do Gmail
– Como usar marcadores em vez de pastas
– Como gerenciar seus contatos

Pode parecer que estou tirando o corpo fora, mas vale muito a pena perder a resistência de ler alguns manuais. Alguns são chatos, mas não tanto quanto se imagina. :)

Depois que você ficar ninja no Gmail tal como ele saiu da fábrica, pode testar o Better Gmail, uma extensão para o navegador Firefox desenvolvida pelo pessoal do Lifehacker que acrescenta desde recursos para gerenciamento de múltiplos e-mails até skins turbinados para o aplicativo.

Saiba mais sobre o Better Gmail.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
13/05/2008 - 10:21

Microsoft lança MSN TV

Compartilhe: Twitter

msn tv

Lançado o novo e aguardado serviço de compartilhamento de vídeos da Microsoft. Chama-se MSN TV e usa tecnologia de streaming semelhante a do YouTube. Mas não se trata de um site. É uma espécie de plugin para o MSN, que faz com que ele possa exibir canais de vídeo online.

Toda a estratégia do serviço está montada em torno de uma idéia: a de que as pessoas vão querer assistir vídeos juntas e comentá-los em tempo real no MSN.

Imagine assistir ao Lost ou a uma palestra de algum consultor. Todo grupo que estiver conectado no momento da exibição poderá escrever sobre o que está na tela.

Não é uma grande vantagem em relação a sites como o Ustream TV, que permitem não só chats, mas também criar e exibir videos ao vivo. Um dos mais importantes usuários do serviço é o über-geek Chris Pirillo, que faz screencasts ao vivo sobre tecnologia.

Enfim, MSN TV não é nem o novo YouTube nem o novo Ustream TV. Mas deve ser uma boa plataforma para lançar e popularizar vídeos comerciais, como seriados, novelas, trailers de filmes etc.

E haja banda larga, já que vídeos e instant messengers são alguns dos maiores consumidores de recursos de internet da atualidade.

Mais informações aqui.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
12/05/2008 - 17:35

Por que os clientes de e-mail precisam morrer?

Compartilhe: Twitter

Quantas pessoas usam Outlook nos EUA? Aproximadamente 400 milhões. O Yahoo Mail vem na sequência com 260 e o Lotus Notes, da IBM, 250. O Gmail, por mais onipresente que pareça, mobiliza cerca de 100 milhões.

Os dados, publicados no Giga Om, indicam que a maioria de nós ainda está acostumada a usar clientes de e-mail. Tanto que os webmails estão cada vez mais copiando o Outlook (lento e às vezes confuso).

Um dos serviços mais eficientes nesse quesito é o ZenBe, que ainda está em testes. O vídeo abaixo mostra a que nível os webmails podem chegar: ao que a Microsoft já atingiu há uma década atrás.

A área de correio eletrônico foi uma das que menos evoluiu em termos de experiência de usuário. Ainda respondemos e-mails basicamente da mesma maneira que fazíamos em 1996. Mesmo com celulares e novas tecnologias na web surgindo a todo momento.

De modo geral, a Web 2.0 também não foi capaz de inovar. Apenas levou os clientes de e-mail para o browser. O que já é uma comodidade, claro. Mas faltam boas idéias.

Ou será que não? O Xobni, plugin para Outlook de que falamos quando ainda estava em beta privado, foi liberado para o público há algumas semanas. O serviço é uma esperança de que as pesquisas sobre e-mail não estejam estagnadas.

Ele traz alguns recursos das redes sociais para sua caixa postal. Como perfís personalizáveis para cada usuário, estatísticas de tudo o que você falou com ele – quando, como, há quanto tempo, quais seus assuntos mais frequentes etc. Ideias úteis quando você precisa retomar negociações ou temas mais longos.

Mas acho que os clientes de e-mail precisam morrer. Está na hora de evoluir para algo muito mais útil: centrais de comunicação. Um espaço único, simples e organizado no qual se possa responder tudo que envolva trocar idéias pessoais on-line: twitter, instant messenger, e-mails e redes sociais.

Vou tentar contribuir com o debate e fazer uma série de posts sobre o assunto, sugerindo como poderia ser esse cliente de e-mail. Fique ligado.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
09/05/2008 - 17:37

RSS como você nunca viu

Compartilhe: Twitter

times

Só para Macintosh – Cansado do seu leitor de RSS? A Acrylic criou um jeito inovador de visualizar feeds. O programa chama-se Times e funciona como um jornal. É uma experiência de usuário bastante diferente dos outros softwares da área. Para entendê-la, só mostrando. Clique na imagem acima e assista ao screencast.

Baixe uma versão demo do Times no site da Acrylic.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:
Voltar ao topo